Entenda como a cultura digital está presente na BNCC

Hoje em dia, fala-se muito em cultura digital dentro das escolas. Mas o que a BNCC diz sobre isso? Responderemos a esta pergunta neste artigo.


Entenda como a cultura digital está presente na BNCC

Base Nacional Comum Curricular (BNCC) trouxe diversas mudanças para a educação do país, e uma delas se refere ao uso da tecnologia nas salas de aula. Mais do que apenas ensinar essa disciplina, a cultura digital deve ter foco dentro das escolas e proporcionar aos alunos conhecimentos úteis, não somente para eles, mas para a sociedade como um todo.

Mas o que o documento da BNCC realmente diz sobre isso? Como as escolas podem trabalhar com a cultura digital dentro das salas de aula? Responderemos a estas perguntas ao longo deste post. Acompanhe!

Veja o que diz a BNCC sobre a cultura digital como uma de suas competências

Entre as 10 competências gerais apresentadas pela BNCC, um item inclui a tecnologia como habilidade que deve ser aprendida dentro das salas de aula. A competência 5 tem o objetivo de trazer a tecnologia como ferramenta de desenvolvimento pedagógico, onde o estudante deve aprender a utilizar a tecnologia de maneira significativa, reflexiva e ética.

Entenda melhor a seguir.

Entenda a competência 5 na íntegra

Segundo a competência 5, o estudante deve: compreender, utilizar e criar tecnologias digitais de informação e comunicação de forma crítica, significativa, reflexiva e ética nas diversas práticas sociais para se comunicar, acessar e disseminar informações, produzir conhecimentos, resolver problemas e exercer protagonismo e autoria na vida pessoal e coletiva.

A cultura digital como competência da BNCC foca no uso específico de recursos tecnológicos, mas com senso crítico. Ela visa ensinar às crianças e adolescentes a dominar o universo digital, para que consigam utilizar as ferramentas multimídia para aprender a produzir.

A inclusão da competência da cultura digital nas normas da BNCC é um reflexo do cenário no qual vivemos, onde tudo é feito por do uso da tecnologia. Então, como as crianças já nascem nesse meio, não há como deixar de levar esse tipo de conhecimento para a sala de aula.

Como as escolas podem incluir a cultura digital dentro das salas de aula

Talvez esse seja um grande desafio para muitas escolas, pois nem todas dispõem de recursos para criar um ambiente multimídia para atender à demanda de seus alunos. No entanto, como essa é uma competência prevista na BNCC, as escolas devem ser adequar às regras do órgão.

A seguir, vamos dar algumas aulas que podem ser incluídas na escola para trabalhar a cultura digital dentro da sala de aula. Vamos lá?

Aulas de programação

O mundo corporativo carece de profissionais especializados na área de programação. Então, para se adequar às normas na BNCC no que diz respeito à cultura digital, sua escola pode implementar esse tipo de ensino aos alunos.

Aulas de web designer e editoração gráfica

Uma das premissas da competência sobre cultura digital é que os estudantes utilizem recursos multimídia para produzir. Por isso, a escola pode ensinar aos alunos programas de editoração gráfica e web design. Dessa forma, os alunos obtêm conhecimentos que serão bastante úteis quando for a hora de ingressar no mercado de trabalho.

Além disso, a escola deve incentivar os jovens a criar um blog e desenvolverem conteúdos baseados em seus gostos, interesses ou que sejam úteis para a comunidade. Assim, eles aprendem a dominar esse tipo de ferramenta e a criar conteúdo útil e relevante.

Ferramentas de criação e edição de vídeos

Os jovens têm utilizado cada vez mais os vídeos para internalizar e oralizar acontecimentos. Isso porque, além de ser fácil gravar as imagens pelo celular, há diversos aplicativos gratuitos para edição de vídeo.

Mas também é possível trabalhar no computador sem a necessidade de usar programas profissionais e complexos. O Windows MovieMaker da Microsoft, que, além de ser gratuito, é bem intuitivo e fácil de usar. Além de ser uma ferramenta útil, ensinar aos alunos a utilizar esse programa vai deixá-los mais interessados e motivados durante a aula.

Esses são apenas alguns exemplos de como implementar a cultura digital dentro da sala de aula. Claro que, antes de oferecer qualquer curso voltado para a área tecnológica, é preciso fazer um planejamento para saber o que a escola pode oferecer aos alunos. O importante é que a escola se adeque às normas da BNCC e utilize a tecnologia da melhor forma na construção de conhecimento dos alunos.

Então, professor, gostou do post? Como você está trabalhando a cultura digital dentro da sala de aula? Conte para nós deixando seu comentário!

 


Portal Planneta Educação

Portal Planneta Educação

Ver artigos

Avalie esse artigo


Assine nossa Newsletter