Como motivar os alunos a ligar a câmera durante as aulas remotas

Confira 6 ótimas estratégias para incentivar os alunos a ligar as câmeras nas aulas remotas e participar mais ativamente das aulas!


Como motivar os alunos a ligar a câmera durante as aulas remotas

As aulas remotas se tornaram uma realidade durante a pandemia, mas nem todo mundo se sente à vontade diante das câmeras. Muitos alunos sentem vergonha de aparecer e os professores não podem forçá-los a isso. Precisa ser algo natural, da mesma forma que a escola não pode obrigar o aluno a aparecer nas aulas presenciais.

Porém, é interessante que os professores encontrem estratégias para estimular os alunos a ligarem as câmeras durantes as aulas remotas. Todos já estamos à distância e ver rostos conhecidos faz muita diferença, além de deixar a aula mais dinâmica.

E, como estamos aqui para ajudá-lo nessa importante missão, segue abaixo uma lista com estratégias que a equipe pedagógica pode usar com os alunos nesse sentido. Confira!

 

6 estratégias para ligar a câmera nas aulas remotas

1. Substitua a ordem pela sugestão

Palavras de ordem não costumam funcionar muito bem com as crianças pedagogicamente. Assim como os adultos, elas não gostam de serem mandadas e a ordem acaba gerando uma sensação de medo, como um tipo de ameaça.

Por exemplo, em vez de falar “eu quero” impondo aos alunos algo ou sugerindo que eles agradem o professor fazendo o que ele quer, falar “eu espero” mostra uma sugestão. Assim, eles se sentirão mais livres para tomar as próprias decisões.

2. Faça uma pesquisa

O primeiro ponto é entender porque os alunos não ligam as câmeras nas aulas remotas e esses motivos podem ser os mais variados:

  • internet lenta;
  • imagem da câmera ruim;
  • passam várias pessoas ao fundo;
  • o aluno sente vergonha de aparecer;
  • o computador ou qualquer outro dispositivo aquece.

Como dissemos, os motivos podem ser os mais variados, mas para sugerir que eles liguem as câmeras nas aulas remotas, é preciso, primeiro, entender porque isso não acontece.

Uma boa forma de fazer isso é criando um questionário, como aqueles Formulários do Google que são gratuitos ou enquetes pelas redes sociais ou em um grupo no Facebook ou mesmo pelo WhatsApp.

Só a partir disso é possível encontrar uma solução que seja viável a todos ou, ao menos, para a maioria.

3. Use os jogos

Os alunos ficam muito mais animados quando o assunto é jogar online e, nesse caso, podem se sentir mais motivados a mostrar o rosto.

Existem muitos jogos que podem ser usados, por exemplo, pelo Zoom: Pictionary, Monopólio, Xadrez, Caça ao Tesouro e assim por diante. Essa é uma ótima estratégia que tem grandes chances de funcionar.

4. Mostre empatia

A empatia é a capacidade que temos de nos colocar no lugar do outro. É algo extremamente necessário para todos, especialmente neste momento, e o professor pode aproveitar para se colocar no lugar dos alunos e mostrar isso.

Assim, ele pode contar aos alunos sobre uma situação em que não quis ligar a câmera porque sentiu vergonha. Mas que existem coisas que precisam ser feitas para ter um resultado melhor e que assim, perdeu a timidez, ligou a câmera e foi uma boa escolha.

Isso dará uma sensação aos alunos de que eles não estão sozinhos e que até mesmo o professor não se sente à vontade para ligar a câmera. Isso mostra que todos somos humanos e iguais.

Saiba como trabalhar as Competências Socioemocionais no Ensino Híbrido

5. Permita que os alunos mostrem apenas uma parte do corpo

É bem comum sentir vergonha de mostrar o rosto, mas os alunos podem se sentir mais à vontade em mostrar uma outra parte do corpo como o braço e não há problema com isso. E quando ele entender que está tudo bem, aos poucos, vai acabar mostrando o rosto na frente da câmera.

6. Permita gravação de vídeo

Vai passar uma tarefa que os alunos precisam mostrar o rosto? O professor pode sugerir aos mais tímidos para gravarem um vídeo e enviarem no privado. Dessa forma, eles mostram o rosto, mas não precisam mostrar para a turma inteira.

É bom provável que essa estratégia ajude-o a perder a timidez com o passar do tempo.

Como você pode perceber, há muitas estratégias que podem ser utilizadas em sala de aula para incentivar os alunos a ligarem suas câmeras nas aulas remotas. Coloque-as em prática e veja os resultados.

Quer receber mais dicas que vão te ajudar no seu dia a dia? Então, assine a nossa newsletter!

Conheça outras dicas para 2021 no eBook completo sobre Ensino Híbrido!


Portal Planneta Educação

Portal Planneta Educação

Ver artigos

Avalie esse artigo


Assine nossa Newsletter
AVISO DE COOKIES
Utilizamos cookies, próprios e de terceiros, para permitir o funcionamento adequado deste site, bem como cookies de personalização, análise, publicidade e criação de perfis com base nos hábitos de navegação do usuário. Mais detalhes podem ser acessados em nossa Política de Privacidade.
Continue navegando para aceitar os cookies.
CONTINUAR