Como estimular a leitura das crianças no ensino híbrido

Estimular a leitura já costuma ser um desafio para o docente. Entretanto, no ensino híbrido isso pode ficar ainda mais complicado. Veja dicas!


Como estimular a leitura das crianças no ensino híbrido

O ensino híbrido é uma tendência atual, pois permite que as aulas presenciais sejam feitas em pequenos grupos e que haja diversidade na maneira de ensinar. Ao mesmo tempo que ele se apresenta como a solução para a época atual, pode despertar novos desafios para o docente. Um deles é estimular a leitura na educação infantil.

É fato que, quanto mais cedo as crianças forem apresentadas aos livros, mais fácil será incentivá-las a serem leitoras. Entretanto, o incentivo deve ser constante. Veja dicas de como fazer isso!

Dicas para o professor ensinar as crianças a ler

Com boa parte do tempo em aulas remotas ou longe do professor, incentivar a leitura pode parecer difícil. Entretanto, há várias formas de fazer essa aproximação e ajudar a formar novos leitores. Veja dicas!

Comece incentivando os contatos com livros

Sempre que eles tiverem uma aula presencial, que seja ministrada na escola, incentive os pequenos a pegar um novo livro. Mesmo que não leiam, só o fato de terem contato com as páginas e com as figuras já é um começo. Como trabalho de casa, para as aulas a distância, o docente pode solicitar que o aluno grave um pequeno vídeo falando sobre o que é o livro que ele pegou.

Caso haja tempo hábil, é possível pedir para que os pequenos contem para os coleguinhas, durante a aula, sobre o livro lido. Isso ajudará na interação e também aumentará o interesse sobre novas histórias.

Peça ajuda aos pais

Dependendo da idade, se as crianças forem muito novas, peça ajuda aos pais. Eles serão parte importante dessa aproximação do estudante com os livros durante o ensino híbrido. Peça para que auxiliem a criança e, se necessário for, leiam juntos. O importante é fazer da leitura um momento prazeroso.

Imagens sempre ajudam

No começo, a criança tem mais dificuldade em ler por muito tempo sem parar. Quando as páginas são “cheias de letras”, a atividade pode ficar entediante. Por isso, o ideal é que os livros sugeridos tenham gravuras e facilitem a leitura.

Faça leitura em conjunto

Quando o aluno já tem mais experiência em ler, fazer uma leitura em conjunto durante a aula virtual pode ser uma boa opção. O professor pode compartilhar uma matéria atual que seja de interesse da turma. Depois, pedir para que cada aluno leia um parágrafo. Isso ajudará no desenvolvimento da habilidade para que possa ler um livro inteiro sem ajuda.

Indique filmes e dê material de apoio

É claro que tudo o que o professor quer é que o estudante chegue ao ponto de conseguir ler um livro sozinho. Entretanto, esse é um processo que pode demorar um pouco. Por isso, é preciso encontrar meios para que ele faça pequenas leituras e, pouco a pouco, se interesse e se sinta seguro a encontrar o primeiro livro.

Uma das maneiras de dar os primeiros passos é sugerindo filmes, que sejam atrativos para a faixa etária. Com ele, o docente oferece um artigo para que a criança leia antes de assistir à obra. Como o tema é interessante, há grande chance de o discente gostar da leitura.

Leitura e conversa

As crianças gostam de interagir, mesmo que seja nas aulas on-line. Por isso, uma alternativa é fazer um bate-papo sobre um livro que tenha sido lido por toda a turma. Tudo pode começar na primeira aula, quando o professor apresenta o livro para os estudantes. Isso pode ser feito on-line.

Depois, o professor pode orientar que eles leiam e dar um prazo máximo para que isso seja feito. Quando todo mundo tiver terminado a leitura, é hora de conversar sobre a história. Um bate-papo virtual vai empolgar a turma.

E-books? Por que não?

Pode até parecer estranho enviar um e-book para toda a turma. Entretanto, é válido lembrar que as novas gerações têm muita familiaridade com a tecnologia. Assim, é possível que eles nem estranhem o fato de o livro ser virtual.

Isso sem contar que, nas obras on-line, além do conteúdo, o professor pode oferecer vídeos e outro tipo de material que complemente e ajude no entendimento do livro.

Quais livros indicar?

É preciso encontrar livros que sejam atrativos para os seus alunos e, de preferência, variar as indicações. Veja algumas sugestões de obrar que podem ser interessantes para quem está desenvolvendo o hábito da leitura:

  • O grande livro dos animais - Edições Usborne
  • O que tem dentro da sua fralda?  - Guido van Genechten
  • A menina da cabeça quadrada - Emilia Nuñez
  • O livro dos porquês – Clima - Edições Usborne
  • Seu Lobato tinha um sítio - Ciranda Cultural
  • Barulhinhos dos bichos - Edições Usborne

Seja qual for a obra escolhida, é sempre bom contar com a ajuda dos pais. Veja como as famílias podem incentivar a criatividade e a aprendizagem dos filhos em casa.


Avalie esse artigo


Assine nossa Newsletter
AVISO DE COOKIES
Utilizamos cookies, próprios e de terceiros, para permitir o funcionamento adequado deste site, bem como cookies de personalização, análise, publicidade e criação de perfis com base nos hábitos de navegação do usuário. Mais detalhes podem ser acessados em nossa Política de Privacidade.
Continue navegando para aceitar os cookies.
CONTINUAR