As Metodologias Ativas no ensino remoto

As metodologias ativas podem ser aplicadas facilmente no ensino remoto. Elas se adaptam bem a esse formato de aprendizado!


Metodologias Ativas de ensino no ensino remoto

As metodologias ativas são uma nova proposta de aprendizado no ensino das escolas. A principal característica aqui é a participação ativa do aluno no próprio aprendizado, não deixando essa função apenas por conta do professor. O aluno passa a ter mais autonomia e iniciativa.

Mas como essas metodologias podem ser aplicadas no ensino remoto? Será que é possível incentivar uma participação maior do aluno no aprendizado?

Entenda abaixo como elas podem ser aplicadas na implementação dessa nova forma de ensino!

 

Como aplicar as Metodologias Ativas ao ensino remoto?

Essa estratégia de ensino ajuda a desenvolver habilidades que são importantes para a vida de uma forma geral: resolução de problemas, inteligência emocional, trabalho em equipe, tomada de decisões, entre outras.

E ela também precisa ser utilizada de forma prática no ensino remoto. Vejamos como!

 

Ensino híbrido

Muitas escolas estão voltando a funcionar nesse período e algumas delas estão apostando cada vez mais no ensino híbrido que é uma das formas de aplicar as Metodologias Ativas.

Uma pequena parte das aulas será realizada de maneira presencial e outra em casa e essa é a principal característica dessa forma de ensino.

A internet permite de forma ampla que o aluno aprenda de maneira ativa, que ele mesmo tenha a iniciativa de buscar materiais para complementar os conhecimentos dados durante as aulas (on-line ou presenciais).

Por exemplo, seguir um perfil que fale sobre a matéria no Instagram, procurar vídeos sobre o assunto no YouTube, revistas digitais, reportagens sobre curiosidades, documentários e assim por diante.

Momento entre alunos e professores

É muito importante, especialmente no ensino remoto, que os estudantes possam dar opiniões sobre a forma de ensino. É como uma empresa que para para ouvir o que o cliente tem a dizer: é o aluno que vai dizer com clareza do que está sentindo mais falta e o que está dando certo.

Essas reclamações e sugestões podem ser feitas de duas formas: por meio de um questionário ou por meio de videoconferências ao vivo.

Aliás, isso pode ser feito também por meio de um grupo no WhatsApp ou no Facebook. Isso torna a situação mais informal e assim os alunos se sentem com maior liberdade para falar o que pensam e dar as sugestões sobre a forma de ensino.

Indicação de material

A internet é uma grande fonte de informação. O problema é que muitas dessas informações não são verdadeiras e os alunos podem pegar conteúdos de sites que passam informações erradas.

Portanto, o professor deve direcionar a pesquisa. Como? Dando dicas de canais no YouTube que são realmente relevantes para o estudo da matéria, sites onde os alunos podem fazer mais questões e treinar os conhecimentos, grupos e perfis nas redes sociais que vão ajudar no aprendizado.

Proponha a construção de algo

Digamos que os alunos deram a sugestão de um tipo de jogo que os ajude a estudar. Que tal propor a eles que façam o projeto e o esboço da ideia? Que busquem as formas de transformar essa sugestão em realidade? A sala toda poderia se unir para fazer isso ou formar pequenos grupos.

Isso não só ajuda a desenvolver as habilidades de trabalho em equipe como também a criatividade, capacidade de resolver problemas, entre outras.

Uma outra sugestão é a criação de um blog, por exemplo. É algo mais simples, que pode ser feito em grupos de poucas pessoas. Uma habilidade que pode ser desenvolvida aqui também é a de delegar tarefas. Por exemplo, uma pessoa fica com a configuração do blog, outra com os textos e outra com a parte visual.

Gamificação

E falando em jogos por aplicativo, a gamificação é uma das formas de Metodologias Ativas que é ótima para o ensino remoto.

O cérebro trabalha muito bem pelo mecanismo de recompensa e essa pode ser uma excelente estratégia para usar no aprendizado. 

Por exemplo, se o aluno leu determinado conteúdo proposto, ele avança uma casa, se fez 10 questões sobre o assunto, ganha uma moeda e com X moedas ele ganha poderes e assim por diante. Você pode tomar como base os jogos de plataforma que nunca saem de moda.

Baixe o nosso eBook gratuito e completo sobre Gamificação!

 

Viu como é possível aplicar as Metodologias Ativas ao ensino remoto sem grandes problemas? Na verdade, esse tipo de ensino pode até facilitar essa nova estratégia de aprendizado.

Confira outro artigo e entenda porque é tão importante valorizar a ação do aluno e incentivar a iniciativa de decisões por parte dele!

Continue navegando pelo Portal Planneta Educação para tirar mais dúvidas!


Portal Planneta Educação

Portal Planneta Educação

Ver artigos

Avalie esse artigo


Assine nossa Newsletter
AVISO DE COOKIES
Utilizamos cookies, próprios e de terceiros, para permitir o funcionamento adequado deste site, bem como cookies de personalização, análise, publicidade e criação de perfis com base nos hábitos de navegação do usuário. Mais detalhes podem ser acessados em nossa Política de Privacidade.
Continue navegando para aceitar os cookies.
CONTINUAR