Tendências da educação para 2021: o que vem por aí?

Confira as principais tendências da educação para 2021 e compreenda a importância de cada uma delas para sua escola!


Tendências da educação para 2021: o que vem por aí?

A educação não é estática, aliás, passa bem longe disso. As estratégias de aprendizado utilizadas em sala de aula estão sempre se reinventando e se adaptando ao cenário. 2020 tá aí para provar isso e as tendências da educação para 2021 são muitas e você e sua equipe precisam se manter atualizados quanto ao assunto.

Uma instituição de ensino é feita de pessoas e para pessoas. Sendo assim, ela precisa se adaptar às novas formas de aprendizado e de comportamento de consumo.

E, quando falamos em consumo, não estamos nos referindo apenas a compras, mas principalmente à forma de consumir conteúdo, algo que vem mudando muito nos últimos anos.

Quer saber quais são as tendências para este ano? Então, confira o conteúdo até o final e descubra!

 

6 tendências da educação para 2021


1. Ensino híbrido

Não temos a menor dúvida de que o ensino híbrido é uma das mais fortes tendências da educação, não apenas para 2021, mas também para os próximos anos.

A pandemia da Covid-19 teve muitos pontos negativos para dizer o mínimo, mas nos forçou a identificar muitas falhas. Por exemplo, por que fazer o aluno sair de casa para assistir aula se ele pode fazer isso em casa?  

É claro que nem todas as atividades podem e devem ser feitas a distância. É aí que entra o ensino híbrido. Ele vem para equilibrar o aprendizado, oferecendo maior produtividade e uma forma diferente e eficiente de aprender.

Saiba mais no eBook gratuito sobre Ensino Híbrido!

2. Empoderamento

Tá aí uma palavra que tá em alta, especialmente quando se refere às mulheres. Você já deve ter ouvido o termo empoderamento feminino ou, pelo menos, lido algo sobre nas redes sociais.

Mas o empoderamento, na verdade, pode se referir a qualquer pessoa ou grupo. E aqui estamos falando do empoderamento dos alunos.

Cada vez mais fica clara essa tendência de o aluno tomar as rédeas do próprio aprendizado. O professor e toda a equipe pedagógica passa a funcionar como um orientador. O centro do conhecimento passa para os alunos, que devem ganhar maior autonomia no processo de educação.

3. Conteúdo on-line educativo

A nova geração nasceu em um mundo com a internet a todo vapor, isso faz parte do cotidiano dela. E, criar uma estratégia de ensino em que essa realidade não esteja inserida é dar um passo para trás.

Hoje em dia, os professores podem dar dicas de canais no YouTube, perfis no Instagram, criar grupos no WhatsApp e utilizar ferramentas do cotidiano digital para estimular o aprendizado.

Além disso, existem também outras estratégias como é o caso da gamificação.

Essa é uma forte tendência da educação para 2021, especialmente com o início da pandemia ano passado. As pessoas tiveram que se adaptar e os professores ficaram com o papel de estimular o aprendizado dos alunos com as aulas em casa. 

A gamificação é uma ótima maneira de manter esse estímulo. O ensino não precisa ser algo fixo, mas sim, deve encontrar formas de divertir o estudante enquanto ele aprende.

4. E-learning

É uma forma de colocar o conceito de educação a distância em prática. As escolas podem oferecer aulas gravadas, ao vivo ou em outros formatos como o streaming, que vem ganhando muito espaço.

Manter parte das aulas no formato on-line é uma forte tendência da educação para 2021 e as escolas precisarão se adaptar cada vez mais a esse estilo de aprendizado.

5. Use de plataformas para aulas

O mercado funciona de forma simples: quanto maior a demanda, cresce a oferta. E na educação esse raciocínio não é diferente. Por isso, elas também são umas das principais tendências da educação.

Assim, com a grande necessidade de as escolas, muitas são as empresas que estão oferecendo plataformas de ensino com mais e mais recursos. Por exemplo, separar as aulas dentro de módulos, ter um chat interativo, bibliotecas virtuais e assim por diante.

6. Aprendizado de habilidades

O mercado de trabalho vem mudando e cada vez mais estamos percebendo que, para sobreviver e viver bem no mundo de hoje, nos mais diversos tipos de relações, ter apenas conhecimento teórico não basta.

Por isso, entre as tendências da educação que merecem destaque, o ensino das habilidades para os alunos, o que as empresas chamam de soft skills, precisam de um olhar mais aprofundado. 

Estamos falando de habilidades como:

É papel das escolas desenvolver essas habilidades nos alunos, preparando-os para o mercado de trabalho e também para a vida.

Saiba mais no eBook Competências Socioemocionais no Ensino Híbrido!

Agora que você já sabe quais são as tendências da educação para 2021, coloque-as em prática. Analise em que ponto está a sua escola e você o que pode ser incrementado para melhorar a vida dos alunos e de todos que fazem parte dela.

Quer se preparar melhor para este ano? Então, confira também Como fica a BNCC no planejamento de 2021!

Tire suas dúvidas pesquisando no Portal Planneta Educação!

Aproveite os todos os Materiais Exclusivos desenvolvidos por nossa equipe!


Portal Planneta Educação

Portal Planneta Educação

Ver artigos

Avalie esse artigo


Assine nossa Newsletter
AVISO DE COOKIES
Utilizamos cookies, próprios e de terceiros, para permitir o funcionamento adequado deste site, bem como cookies de personalização, análise, publicidade e criação de perfis com base nos hábitos de navegação do usuário. Mais detalhes podem ser acessados em nossa Política de Privacidade.
Continue navegando para aceitar os cookies.
CONTINUAR